Enfam divulga cursos e eventos para 2016 

O plano de ações educacionais da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam) para 2016 traz uma inovação. A partir de agora, os internautas encontrarão os cursos e eventos programados em um calendário anual.

A consulta mostra mês a mês os cursos de Formação Inicial, Formação Continuada e de Formação de Formadores, nas modalidades presenciais e a distância (EaD), bem como outros eventos.

Outra novidade é que o calendário da Escola Nacional também passa a divulgar os eventos a serem realizados em parceria, como exemplo, com o Conselho da Justiça Federal/Centro de Estudos Judiciários (CJF/CEJ), com a ENAMAT, entre outras instituições.

Apenas para o primeiro semestre, estão previstas 41 ações entre cursos e eventos. No segundo semestre, a previsão é de que sejam realizadas nove ações presenciais para os magistrados formadores, além de dez cursos de Formação Continuada a distância (EaD).

A Formação Inicial aparece no calendário ao longo de todo o ano e serão realizados nove cursos.

O calendário será permanentemente atualizado para que os interessados em participar das ações educacionais da Escola Nacional se programem. A ferramenta pode ser consultada no Portal da Enfam.

---

II Encontro de Diretores e Coordenadores visa integrar as escolas judiciais 

Nos dias 25 e 26 de fevereiro acontece o II Encontro Nacional de Diretores e Coordenadores Pedagógicos de Escolas de Formação de Magistrados, realizado pela Enfam.

O evento será aberto pelo diretor-geral da Enfam, ministro Humberto Martins, e será uma oportunidade de apresentação da nova gestão e de integração entre as instituições participantes no sentido de se alinhar às diretrizes nacionais, trocar experiências e compartilhar recursos.

No dia 25, os cerca de 70 participantes estão convidados a acompanhar a inauguração da galeria de fotos dos ex-diretores-gerais da Enfam, com a presença dos ministros que já ocuparam o cargo durante os quase dez anos de funcionamento da escola. Também será descerrada a fotografia oficial do patrono da Enfam, ministro Sálvio de Figueiredo Teixeira.

---