Bandnews exibe série de reportagens sobre juízes ameaçados

A emissora de TV Bandnews exibiu uma série com cinco reportagens sobre juízes brasileiros ameaçados em decorrência do exercício da profissão. As reportagens trazem depoimentos de magistrados ameaçados que atuam nas mais diversas áreas do Direito e também sobre suas rotinas funcionais e sobre os efeitos em suas vidas pessoais.

Além das situações de risco e dos problemas apontados nos depoimentos, a reportagem mostra algumas iniciativas para tentar reduzir os problemas enfrentados pelos magistrados na sua rotina de trabalho. Um dos melhores exemplos é do curso de Segurança e Proteção de Autoridades Judiciais realizado pela Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam) em parceria com o Exército Brasileiro, desde 2014.

Segundo o diretor-geral da Enfam, ministro João Otávio de Noronha, no curso os magistrados aprendem técnicas de manuseio de armas de fogo, de direção defensiva e de autodefesa,  instruções básicas de autoproteção e até mesmo de trânsito, além de informações sensíveis e pessoais em redes sociais e outras mídias.

Dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) informam que 202 juízes constam de uma lista de magistrados ameaçados no País. Esses juízes estão à frente de processos sobre narcotráfico, milícias, crime organizado, conflito agrário, crime eleitoral, direito de família, etc. São garantidas vagas prioritariamente nestes cursos para os magistrados que já tem registros de algum tipo de ameaças.

Já foram realizados cursos em Brasília e Porto Alegre. Os próximos estão agendados para Goiânia (GO), Manaus (AM) e São Luís (MA).

Acesse nos links abaixo os vídeos da reportagens no canal da Enfam no YouTube:

Juízes ameaçados – Parte 1

Juízes ameaçados – Parte 2

Juízes ameaçados – Parte 3

Juízes ameaçados – Parte 4

Juízes ameaçados – Parte 5