Conhecer Acessível: Enfam promove curso sobre teoria e práticas da inclusão

O curso conta pontos para a Formação de Formadores e para promoção na magistratura

A Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam), com apoio da Escola do Poder Judiciário de Roraima (Ejurr) e da Rede de Acessibilidade, promove o curso “Teoria e práticas da inclusão”, a ser realizado de 4 de abril a 16 de maio, destinado a magistrados e a servidores das escolas judiciais e das de magistratura dos tribunais federais e estaduais. A abertura do evento contará com a presença do ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Sérgio Kukina e da diretora da Ejurr, desembargadora Elaine Bianchi,

A ação educativa objetiva a divulgação de experiências acessíveis e inclusivas a serem discutidas como prática educacional e encaminhadas às escolas como exemplos mais amadurecidos de inclusão, para difusão como aprendizado organizacional.

O evento será composto por um ciclo com diversas palestras e três workshops, que acontecerão sempre no horário da manhã, e contará com a participação de um conjunto de especialistas que apresentarão práticas voltadas à inclusão na busca conjunta de implementação de uma política de acessibilidade nas escolas judiciais e nas de magistratura.

Vagas e inscrições
Serão disponibilizadas 200 vagas. Os pedidos de participação devem ser efetivados por meio das escolas judiciais e das de magistratura, que já receberam o link de inscrição, até as 23h59, horário de Brasília, do dia 3 de abril.

O curso terá 60 horas-aula e as palestras serão transmitidas pelo canal da Enfam no YouTube, portanto serão abertas ao público. A participação de servidores e magistrados, porém, conta no banco de formadores como Formação de Formadores (Fofo nível 2) e para promoção na magistratura. A certificação será conferida somente aos inscritos, que deverão ter frequência mínima de 75% ao curso e entrega das atividades avaliativas.

Entre os temas a serem apresentados, destacam-se: “Mitos e realidades sobre a pessoa com deficiência”, “O que é deficiência”, “Tecnologias Assistivas”; “Panorama do Judiciário”; “Como pensar as acessibilidades – Libras, audiodescrição e legendas”, entre outros.

Confira a íntegra da programação aqui.