Conselheiro da Enfam fala sobre novo CPC na Escola da Magistratura de Rondônia

Nos dias 12 e 13 de novembro a Escola da Magistratura do Estado de Rondônia (Emeron) recebeu o Desembargador Federal e membro do Conselho Superior da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam), Aluísio Gonçalves de Castro Mendes, para ministração do 4º módulo do Ciclo de Formação promovido pela Emeron acerca do Novo Código de Processo Civil (NCPC), intitulado “Precedentes e Jurisprudência: Julgamentos Repetitivos no Novo Código de Processo Civil”.

Para o Diretor em exercício da Emeron, Juiz Ilisir Bueno Rodrigues, o processo formativo realizado pela Escola tem um ganho significativo com a presença do Desembargador Aluísio Mendes, por seu vasto currículo acadêmico e sua experiência como Membro da Comissão de Juristas designados para o acompanhamento da redação final do novo Código de Processo Civil no Senado e Coordenador do Grupo de Trabalho da Enfam para desenvolvimento do programa de atualização da magistratura nacional acerca do tema.

Durante toda a quinta-feira, 12, o Desembargador palestrou sobre os vinte itens mais importantes de todo o novo código de processo civil, focando nos precedentes, na jurisprudência e nos julgamentos de casos repetitivos. Na manhã da sexta-feira, 13, foram realizadas quatro oficinas com os temas abordados no módulo, acompanhadas pelo Desembargador. Durante as oficinas foram elaborados enunciados, aprovados em plenária na tarde da sexta-feira. Ainda na tarde de sexta, foram socializadas a experiência das oficinas e houve ministração do Desembargador Aluísio Mendes sobre recursos repetitivos. Em torno de 200 magistrados e assessores participaram da formação.

“Em primeiro lugar é um prazer, uma honra estar aqui em Porto Velho e fiquei satisfeito em ver a estrutura física e humana que a Emeron conta para realizar o empreendimento da educação judicial. A Escola é um ambiente natural de interação com a sociedade, de desenvolvimento de uma magistratura altamente qualificada. Visitando as oficinas vi uma grande discussão, todos interessados e isso é algo importantíssimo para sociedade”, afirmou o Desembargador.

Aluísio concedeu ainda uma entrevista à Assessoria de Comunicação da Emeron em que falou sobre sua vinda ao estado e as principais mudanças do código processual civil brasileiro. Clique aqui para ver a entrevista na íntegra.

Fonte: Assessoria de Comunicação – Emeron

Confira a entrevista sobre o tema