Consulta pública para Diretrizes de Avaliação é prorrogada até sexta-feira

A Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam) prorrogou o prazo para envio de sugestões ao texto das Diretrizes de Avaliação que serão aplicadas pelo órgão a partir de 2018.

Agora, formadores, integrantes das equipes técnicas e pedagógicas e demais profissionais que atuam nas escolas de formação de magistrados têm até esta sexta-feira (27) para participar da consulta pública.

As Diretrizes de Avaliação contemplam os princípios que nortearão as práticas avaliativas adotadas no âmbito da Enfam.

Com as críticas e sugestões recebidas, o órgão espera consolidar um documento que garanta uniformidade às práticas de avaliação, respeitando o contexto e as especificidades regionais de cada escola judicial e de magistratura.

Após a consulta pública, um grupo de trabalho fará a validação da versão final das novas diretrizes, que só serão aplicadas após o crivo do Conselho Superior da Enfam.