Delegação visita Suprema Corte de Cassação em Roma

Troca de experiências entre judiciários marca programação

A delegação de magistradas e magistrados que participa do curso “Novas perspectivas sobre o combate ao crime organizado no contexto europeu e latino-americano” visitou hoje a Suprema Corte de Cassação em Roma, onde participou de aulas magnas proferidas pelo presidente da Corte, Pietro Curzio, pelo procurador-geral, Giovanni Salvi, e pelo conselheiro Luigi Marini; e do debate “A corrupção e o crime organizado na Itália”, que contou com a participação do conselheiro Orlando Villoni.

Houve ainda uma troca de experiências muito rica entre judiciário brasileiro e judiciário italiano sobre virtualização da Justiça, trabalho judicial durante a pandemia, estratégias de uniformização de decisões, estrutura administrativa de ambas as cortes, estratégias de tratamento da criminalidade organizada e das demandas repetitivas.

O curso ocorrerá até o dia 28 de junho e resulta de uma parceria especial realizada entre a Enfam, Escola Superior do Ministério Público da União (ESMPU), Organização Internacional Ítalo-latino-Americana (IILA), Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco), Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC), embaixada brasileira em Roma, Programa das Nações para o Desenvolvimento (Pnud), Ministério das Relações Exteriores de Cooperação Internacional da Itália (Maeci), e o Programa Falcone-Borsellino.