Diretora-Geral da Enfam recebe delegação de Portugal e Angola

A ministra Maria Thereza de Assis Moura, diretora-geral da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam), recebeu nesta sexta-feira o desembargador do Tribunal da Relação do Porto, Nuno Miguel Pereira Ribeiro Coelho, o conselheiro do Tribunal de Contas de Lisboa, Juiz José António Mouraz Lopes, a coordenadora do Projeto de Apoio à Consolidação do Estado de Direito do Instituto Camões, Maria Teresa Santos, e a juíza angolana secretária-geral da Rede de Cooperação Jurídica e Judiciária Internacional dos Países de Língua Portuguesa, Iracema Naiol Mário de Azevedo.

Os representantes de Portugal e Angola vieram conhecer a atuação da Enfam, além de apresentar uma proposta para criação de uma rede de educação judicial de países de língua portuguesa. Um dos objetivos da rede é o desenvolvimento de ferramenta que possibilite o compartilhamento de cursos voltados para magistrados do poder judiciário dos países-membros.

A ministra Maria Thereza ressaltou a relevância da possibilidade de se criar uma rede de integração entre as escolas de magistratura de países de língua portuguesa, algo que também conta com a sinalização favorável de representantes de Moçambique e da Guiné-Bissau.