Enfam capacitará juízes no combate à pedofilia

A Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados – Ministro Sálvio de Figueiredo (Enfam) vai oferecer um curso para qualificar a magistratura nacional em temas relativos à violência contra a criança e o adolescente, especialmente o combate à pedofilia. A Escola formou um grupo de trabalho composto de magistrados, promotores, psicólogos, pediatras, psiquiatras e assistentes sociais para desenvolver a capacitação, que será oferecida à magistratura no mês de outubro.

O Grupo de Trabalho será coordenado pelo juiz auxiliar da Enfam, Ricardo Chimenti, e terá a participação de magistrados com ampla experiência no julgamento de questões envolvendo violência contra a criança e o adolescente como o desembargador José Antônio Daltoé Cézar, do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJRS), e juíza Cristiana Cordeiro, do TJ do Rio de Janeiro (TJRJ).

“Esse curso surge da necessidade dos nossos magistrados estarem melhor atualizados quanto às especificidades dos crimes cometidos contra as crianças e os adolescentes, sobretudo nos casos de pedofilia, que requerem cuidados especiais ao longo de todo o processo”, avaliou a ministra Eliana Calmon, diretora-geral da Enfam.

A primeira reunião do Grupo de Trabalho acontecerá no próximo dia 02 de setembro na sede da Enfam em Brasília.