Enfam inaugura galeria de ex-diretores-gerais

Em homenagem aos ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que já passaram pelo comando da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam), será inaugurada, na quinta-feira (25), a galeria de fotos dos ex-diretores-gerais da Escola. Será, também, descerrada a fotografia do idealizador da Enfam, ministro Sálvio de Figueiredo Teixeira (in memorian), representado por seus familiares.

A cerimônia será conduzida pelo ministro Humberto Martins, diretor-geral da Escola. Para ele, a galeria é um reconhecimento ao papel que cada ministro exerceu como diretor-geral da Enfam. “Este será um registro permanente daqueles que deram sua contribuição para a Enfam. Uma das melhores qualidades do ser humano é reconhecer o trabalho do seu companheiro. Isso é a prova de que podemos exercer o nosso trabalho com humildade, com prudência e com sabedoria, e respondendo a cada missão”, comentou.

Em nome dos ex-diretores, falará o ministro Nilson Naves, seu primeiro diretor-geral. Nos quase dez anos de existência da Escola, também ocuparam o cargo os ministros Fernando Gonçalves, Felix Fischer, Cesar Asfor Rocha, Eliana Calmon e João Otávio de Noronha.

Idealizador

Sálvio de Figueiredo Teixeira (1939-2013) foi, antes de um magistrado, um professor. Fez da qualificação do juiz uma de suas bandeiras e sonhou com a criação da Enfam, Escola que hoje leva seu nome. Na década de 1970, já buscava na Europa referências de escolas de magistrados, o que o convenceu de que o aprimoramento da formação profissional dos juízes era imprescindível.

O ministro esteve à frente da Escola Nacional da Magistratura (ENM), vinculada à Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), por quase dez anos. Essa experiência foi decisiva para que se tornasse um dos maiores defensores da criação da instituição que viria a ser a Enfam.