Enfam realiza curso de Formação de Formadores na Escola da Magistratura Paulista

A Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam) realizou, de 14 a 16 de fevereiro, o Módulo 1 e Módulo Especial (2 e 3) – Nível 1, do curso de Formação de Formadores. A ação formativa, com 24 horas-aula, ocorreu na Escola Paulista da Magistratura (EPM) e contou com a participação do diretor-geral da Enfam, ministro Herman Benjamin, e da vice-presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministra Maria Thereza de Assis Moura, além de magistrados do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) e integrantes de tribunais estaduais e federais.

A programação consistiu em exposições dialogadas e dinâmicas para discussão de temas relacionados aos processos de ensino e de aprendizagem orientados para o desenvolvimento de competências e para a construção do conhecimento, como o planejamento de aula e a análise do trabalho docente, a partir de princípios pedagógicos da Enfam.

“Tenho certeza de que a Enfam vai continuar melhorando, sempre aperfeiçoando algo que idealizamos lá atrás, que é formar juízes para que possamos cada vez mais ter formadores nos cursos para aqueles que iniciam a carreira”, afirmou a ministra Maria Thereza de Assis Moura, durante a abertura do curso.

O diretor-geral da Enfam informou algumas prioridades da Escola Nacional, como a capacitação para o combate à corrupção, a questão da mulher juíza e a ética judicial. Sobre o curso de formadores, ressaltou que é um dos trabalhos mais importantes da Escola. “Os cursos de formação de formadores precisam ser regionalizados. Nós temos a possibilidade de, na magistratura brasileira, encontrar especialistas em todas as matérias. Estou convencido de que esse esforço coletivo da magistratura dará muitos frutos”, disse.

Após abertura, os magistrados participaram de oficinas conduzidas pelo juiz do TJSP José Henrique Torres, pelo pedagogo Erisevelton Silva Lima (Módulo 1) e pelos juízes federais do Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2) Marcia Maria Nunes e Vladimir Vitovsky, Taís Schilling (TRF-4) e Vanila Cardoso de Moraes (TRF-1), do Módulo Especial.

O presidente do TJSP, desembargador Geraldo Francisco Pinheiro Franco, durante recepção e cumprimentos aos integrantes do curso, afirmou: “Esse efeito multiplicador do curso de formação de formadores é o que mais encanta. É o efeito que buscarei implantar. Nós precisamos formar os nossos juízes, os nossos servidores. É preciso que eles transmitam essas informações, esse conhecimento, principalmente porque nós somos passageiros. A instituição fica e nós temos de deixá-la pronta para o futuro”.

Fonte: Comunicação Social EPM / TJSP

Veja mais fotos no Flickr da Enfam.