Formação de Formadores termina em Belo Horizonte

Terminou hoje (8), a 2ª edição da Formação de Formadores da Região Sudeste, depois de três dias de aprendizagens e trocas de experiências entre os participantes. A ação formativa aconteceu em Belo Horizonte, com o apoio da Escola Judicial Desembargador Edésio Fernandes (EJEF), e a turma foi orientada pelos formadores Gilson Jacobsen e Maria Eveline, da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam).

Os objetivos do curso, estabelecidos pelas Diretrizes Pedagógicas da Enfam, foram alcançados, tendo em vista que os participantes estudaram e debateram sobre as competências necessárias para a atuação docente, desenvolveram estratégias de ensino com base em metodologias ativas e colaborativas, organizaram planos de aulas fundamentados em princípios didático-pedagógicos, entre outros.

Segundo Marcelo Fioravanti, juiz do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), “o curso foi extremamente valioso por destacar a responsabilidade enquanto formadores e o quanto é importante conhecer os alunos, conhecer a necessidade desses alunos, se preparar bem para transmitir a eles algo que possam levar consigo como valioso daquelas aulas”.

Para a juíza Lorena Boccia, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, a ação educacional traz um aprimoramento ainda mais amplo. “A formação proporcionou um conhecimento que atravessa as salas de aula e futuras formações. As dinâmicas, estratégias de ensino e experiências trocadas também servirão para aperfeiçoar a minha atividade jurisdicional, já que ensinar e aprender é essencial para melhorar a produtividade da equipe. ”, afirmou.

O curso de Formação de Formadores é dividido em módulos e faz parte do calendário pedagógico anual da Enfam. Visa o desenvolvimento de competências de magistrados e servidores que atuam no planejamento e execução de ações de formação e aperfeiçoamento dos juízes.