GT de elaboração das diretrizes avaliativas faz balanço de suas ações

O Grupo de Trabalho (GT) para estudos, pesquisas e elaboração de diretrizes de avaliação vem se reunindo desde janeiro de 2015, com o objetivo de criar instrumentos para orientar as práticas avaliativas no âmbito da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam) e demais instituições de formação de magistrados.

Encontros

No primeiro encontro (26/1), ficou decidido que para traçar as diretrizes de avaliação educacional, os participantes fariam uma formação específica cujos temas seriam direcionados no sentido de melhor fundamentar as produções do Grupo. Para isso, foi definida a realização da formação Fundamentos Teóricos e Normativos da Enfam sobre Avaliação numa Perspectiva Formativa que se realizou dois meses depois.

A capacitação ocorreu em dois dias (3 e 4/3) e teve por finalidade estimular e aprofundar os estudos sobre a avaliação. “Essa iniciativa foi primordial para promover reflexões, por meio de debates teórico-práticos, que permitiram fundamentar o trabalho do grupo, no que se refere ao aprofundamento de conceitos e ao desenvolvimento da compreensão da relevância e da complexidade do ato de avaliar” ressaltou Marizete Oliveira, coordenadora de Ensino e Pesquisa da Enfam.

Na ocasião, também foram propostos os principais eixos que constituirão o documento das Diretrizes de Avaliação da Enfam; e, ainda, foi estruturada a proposta de pesquisa tendo por objetivo conhecer a cultura avaliativa desenvolvida pelas escolas Judiciais e de Magistratura.

Nesse contexto, percebeu-se a necessidade de se estabelecer um cronograma para o levantamento de dados referentes à proposta de pesquisa e demais orientações para os trabalhos do grupo. A questão foi debatida em um encontro ocorrido nos dias 16 e 17 de abril de 2015 que teve por finalidade debater os fundamentos dos normativos editados pela Enfam, as bases teóricas da literatura educacional e as práticas avaliativas adotadas pelas Escolas, com o intuito de aprofundar e direcionar os trabalhos seguintes.

No encontro, os integrantes do GT puderam relatar os resultados de atividades das pesquisas realizadas com o público das escolas; apresentar direcionamentos para a elaboração de minuta de texto das Diretrizes de Avaliação; e definir os integrantes e o cronograma das atividades necessárias à concretização da elaboração do documento definitivo.

Em 21 de agosto, o Grupo reuniu-se, por meio de uma videoconferência, e contou com a participação da secretária executiva da Enfam, Márcia de Carvalho. Na ocasião, o GT validou a primeira versão do texto das Diretrizes de Avaliação da Escola Nacional.

Próxima etapa 

Após ajustes finais, o documento será apresentado para as escolas judiciais e da magistratura e homologado pelo Conselho Superior da Enfam.