Live: Enfam promove bate-papo sobre inovação tecnológica

O convidado desta semana foi o desembargador Samuel Meira Brasil Júnior, ganhador do prêmio Inovação Tecnológica, no Expojud 2021

A Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam) realizou, na noite de quarta-feira (13/10), mais uma live no seu perfil do Instagram, desta vez com o tema “Inovação tecnológica”. A secretária-geral da escola, juíza federal Cíntia Menezes Brunetta, conversou com o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo (TRE/ES), desembargador do Tribunal de Justiça daquele Estado (TJES) e coordenador acadêmico do mestrado da Enfam, Samuel Meira Brasil Júnior.

O magistrado, que foi o ganhador do prêmio de Inovação Tecnológica, no Expojud 2021, concorreu como finalista na categoria “Liderança: Tribunal Federal, Eleitoral e Superiores” com o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, e com o juiz auxiliar da Presidência do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5), Marco Bruno Miranda Clementino.

O desembargador explicou que o prêmio foi um reconhecimento pelos projetos iniciados no Laboratório de Inovação e Inteligência Artificial do TRE-ES antes da pandemia, entre eles o de desenvolvimento da Bel, um bot de assistência virtual eleitoral. “Desde o início, pensávamos em um mecanismo que pudesse melhorar em termos de prestação jurisdicional para o eleitor e, também, trazer uma redução de custos e um auxílio na gestão do Tribunal. Procuramos juntar todas essas características e novidades e, então, surgiu a ideia de fazer este assistente virtual, que utiliza inteligência artificial, e esse é o grande diferencial da Bel”, esclareceu ele.

Bel

A Bel é uma assistente virtual com funcionalidades para além de um bot de chat. É uma ferramenta que interage com o eleitor, que pode fazer perguntas oralmente e obter respostas também orais em linguagem natural. A arquitetura de construção da assistente permite, ainda, que sejam aprimorados serviços dentro do próprio TRE. A base da Bel utiliza ferramentas do Google e, por isso, o acesso aos comandos de voz só pode ser feito com a utilização do Google Chrome, mas, futuramente, o acesso poderá ser feito por outros navegadores.

Bel é uma assistente virtual feminina, com características bem brasileiras, mas, muito em breve, deve ganhar um parceiro, o Abel, para atender aqueles que se sentem mais à vontade com um assistente virtual de voz masculina.

Inteligência Artificial

A relação do desembargador Samuel Meira Brasil Júnior com a tecnologia começou nos anos 1990, com base no seu interesse na formação da decisão do juiz. Essa curiosidade o levou a pesquisas sobre a inteligência artificial que, na época, ainda era uma novidade distante no Brasil, principalmente porque não tinha uma correlação com o Direito.

“Me recordo que a primeira palestra envolvendo inteligência artificial, aqui no Espírito Santo, aconteceu em 2001, em uma faculdade de Direito. Era algo completamente novo. Discutimos, principalmente, as teorias da argumentação computacional, isso era muito forte para o Direito, inclusive, porque usava uma base matemática para formular a teoria da argumentação”, relembrou o desembargador. A palestra impulsionou a entrada do desembargador em um mestrado na área de Ciência da Computação.

Saiba mais sobre a trajetória do desembargador na área de inteligência artificial e como esse artifício influenciou os resultados que a ferramenta desenvolvida pelo TRE-ES apresenta hoje para o mundo do Direito.

Confira a íntegra da live no perfil da Enfam no Instagram.