Ministro Gilson Dipp representará a Enfam em reunião do Copedem

Vice-diretor da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados, o ministro Gilson Dipp participa hoje à noite, em Florianópolis, da abertura da XXV Reunião do Colégio Permanente de Diretores de Escolas Estaduais da Magistratura (Copedem). Convidado pelo presidente do Copedem, desembargador Antonio Rulli Junior, o ministro Dipp será o principal palestrante da solenidade. Ele explicará os objetivos, atividades e resultados da Enfam desde sua criação, com ênfase para as parcerias com instituições similares e o trabalho desenvolvido em conjunto com as escolas estaduais e federais da magistratura brasileira ao longo de 2010 e 2011.

Acompanhado do secretário da Escola, Francisco Paulo Soares Lopes, Gilson Dipp representará o diretor-geral da Enfam, ministro Cesar Asfor Rocha. Na oportunidade, o ministro também falará da proposta democrática da Enfam de abrir suas decisões à participação das demais escolas e instituições afins. Nesse sentido, lembrará aos presentes a inclusão de membros do Copedem e da Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) nas reuniões periódicas do Conselho Superior da Enfam, o que, na sua avaliação, assegura maior representatividade aos magistrados.

Entre os assuntos que o ministro Gilson Dipp apresentará aos integrantes do Copedem, os destaques resultam da última reunião do Conselho Superior da Enfam, realizada em junho passado, quando foi autorizada a criação de cursos de pós-graduação, mestrado e doutorado e instituídos sistemas de controle de credenciamento de cursos e de acompanhamento e realização de cursos nas escolas da magistratura, além do planejamento estratégico nacional para fortalecer as atividades das escolas junto a seus respectivos tribunais.

Conforme informará o vice-diretor da Escola, as normas aprovadas criam o Cadastro Nacional de Docente e garantem transparência, agilidade e, principalmente, o compartilhamento de cursos e melhor gestão do trabalho de capacitação dos magistrados. Gilson Dipp também anunciará o envio, esta semana, de um projeto destinado ao credenciamento, pela Enfam, de um curso de mestrado profissionalizante. A proposta foi encaminhada à Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), com apoio do Copedem. Vinculada ao Ministério da Educação, a Capes tem por objetivo promover a expansão e consolidação dos cursos de pós-graduação stricto sensu, ou seja, dos cursos de mestrado e doutorado em todo o país.