Natal (RN) recepciona Módulo Nacional da Formação Inicial ministrado pela Enfam

No período de 22 a 26 de agosto, a Escola da Magistratura do Rio Grande do Norte (Esmarn) sedia o Módulo Nacional ministrado pela Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam). Trinta e cinco magistrados recém-ingressos no Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) participam das 41 horas-aula.

O Módulo Nacional do Curso de Formação Inicial é estruturado com base em temas que possibilitam a inclusão do juiz recém-ingresso no contexto do trabalho judicial. O objetivo é conscientizá-lo do papel a ser desempenhado e da relação de seu trabalho com o Poder Judiciário e com a sociedade.

A proposta metodológica tem uma orientação humanística, sistêmica e pragmática e visa à participação ativa dos alunos magistrados, incentivando o compartilhamento das experiências e a interação com o formador.

Temas

As aulas programadas abrangem as seguintes temáticas: O Juiz e as Relações Interpessoais e Interinstitucionais; Políticas Raciais; Violência Doméstica; Gestão de Pessoas; Impactos Econômicos e Sociais das Decisões Judiciais; Mediação e Conciliação; O Juiz e o Serviço Extrajudicial; Depoimento Especial e Adoção; além de O Juiz e a Sociedade.

Formadores

As aulas serão ministradas pelos seguintes formadores da Enfam: Marco Antônio Barros Guimarães – juiz do TRF1; Thiago André Pierobom de Ávila – promotor do MPDFT; Jeverson Luiz Quinteiro – juiz do TJMT; Ana Cristina Monteiro de Andrade Silva – juíza do TRF4; Vicente de Paula Ataide Junior – juiz do TRF4; Valeria Ferioli Lagrasta – juíza do TJSP; Ana Conceição Barbuda Sanches Guimarães Ferreira – juíza do TJBA; José Antônio Daltoé Cezar – desembargador do TJRS; e José Henrique Torres – Juiz do TJSP.

 Leia mais:

Curso de Formação: “É preciso refletir o papel do magistrado”, aponta coordenadora da Enfam